Honras de chefe de Estado para João Goulart

Na véspera do aniversário da Proclamação da República, os restos mortais do presidente João Goulart foram exumados e remetidos para Brasília, ensejando prestação de honras de chefe de Estado pela presidente Dilma Rousseff e pelos ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva, José Sarney e Fernando Collor de Mello. Houve salva de tiros e o Hino Nacional foi tocado.

O objetivo da exumação é averiguar a causa da morte do presidente em sua fazenda na Argentina, em 1976, sem ser submetido a autópsia e com atestado de óbito dizendo laconicamente “enfermidade”

Nenhum comentário:

Postar um comentário